19/07
Entidades apresentam projeto de redirecionamento produtivide da hortifruticultura na região de PU/UV
Com a iniciativa da Associação Empresarial de Porto União (ACIPU) e da Associação Comercial e Empresarial de União da Vitória (ACEUV), entidades ligadas a agroindústria, representantes de supermercados e mercearias participarem na noite de quinta-feira, 14, no auditório do Centro Empresarial de Porto União, da apresentação do projeto de Redirecionamento Produtivo da Hortifruticultura na região de Porto União da Vitória.

De acordo com o vice-presidente da Acipu, Solimar Haiduk, o projeto é fruto de muita conversa entre as entidades envolvidas e é visto como mais uma alternativa de alavancar a economia da região. “Esse projeto tem a intenção de unir toda a cadeia produtiva até chegar no consumidor de hortifruti. Queremos que o que é produzido aqui, seja comercializado aqui, nos supermercados e mercearias. Hoje, apenas 10% do que é plantado aqui, fica na região, o restante segue para as centrais de abastecimento”.

Para o diretor de agropecuária da ACEUV, Valter Cano, o comprometimento dos órgãos governamentais, como Emater e Eepagri é essencial para o auxílio técnico ao projeto. “Entendemos que cada cultura a ser plantada tem seu valor, mas quando todas estão juntas buscando o mesmo objetivo, tudo se torna mais possível.

Inicialmente, o extensionista da Epagri, Johnny Fuzenato Franzon apresentou o cenário atual do Hortifruti em Porto União. Segundo o levantamento feito pela entidade, são 35 agricultores com uma área de aproximadamente 20 hectares. A mão de obra em maioria é familiar e a produção é de mais de 10 tipos de hortaliças.

Em segundo momento, o engenheiro agrônomo da EMATER, José Eustáquio Pereira dividiu os participantes em grupos e solicitou que cada grupo colocasse no papel sugestões de como contribuir para colocar o projeto em prática. Foram sugeridas ações como capacitação em gestão, melhoria na comunicação entre os envolvidos, comprometimento e levantamento da produção e distribuição em ambos os municípios.

Agora, os grupos farão um levantamento nos municípios da quantidade de hortifruti comercializada nos supermercados locais. Os dados serão apresentados em um próximo encontro. O encontro contou também com a representante regional do Sebrae de Joaçaba, Sueli Bernardi.

Necessidade
De acordo com Lucas Gelinski um dos idealizadores do projeto, mais do que uma alternativa de impulsionar a economia local é uma necessidade tanto dos produtores quanto das pessoas que comercializam esses produtos. “Acreditamos nessa ideia, por estar no dia a dia com os principais envolvidos nesse setor. Precisamos gerar renda na região”.

(Fonte: Assessoria de Comunicação – ACEUV)
 
ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DE PORTO UNIÃO
E-mail: acipu@acipu.com.br ou comercial.acipu@hotmail.com
Fone: (42) 3522 - 4593